Aguarde. Carregando informações.
CESMAC ONLINE

Para acessar a área do aluno, utilize sua matrícula e senha nos campos abaixo e clique em acessar.

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Biomedicina, Engenharia Civil e Educação Física agitam estande do CESMAC

Diversas ações no estande CESMAC/SBPC 2018

Três cursos de graduação do CESMAC movimentaram o estande da instituição na SBPC, em mais um dia de atividades. Uma série de atividades, exposições e apresentações de projetos despertou a curiosidade do público visitante do evento, gerando um fluxo constante de pessoas, durante todo o dia.
Com atividades divididas nas habilitações do curso, a Biomedicina trouxe ações voltadas para a realização de exames laboratoriais, de prevenção a saúde na triagem de diabetes, a orículo acunputura e a parte estética com a demonstração das enzimas a serem utilizadas na atuação entrodérmica. Entre docentes e discentes do curso, as atividades envolveram cerca de 22 pessoas durante o dia. “A oportunidade é para divulgar as habilitações do curso de Biomedicina e demonstrar para o público um pouco do profissional em ação” afirmou a coordenadora do curso, Profa. Chiara Marinho.
As ações do curso de Engenharia Civil reuniram docentes e discentes, onde a ideia foi apresentar ao público da SBPC trabalhos que foram levados para congressos, aplicativos sobre a engenharia, um material chamado de jardins filtrantes, que visa a construção de um ambiente mais sustentável e um aparelho chamado de kit mola, que é utilizado na simulação das estruturas do curso, como vigas, pilares, pórticos e cabos. “A prática do curso está sendo vivenciada pelos acadêmicos aqui presentes, além disso, estamos apresentamos ao público visitante, ferramentas importantíssimas para o curso e para os estudantes e profissionais da área” afirmou a docente Rosineide Honorato, coordenadora do curso de Engenharia Civil.
Além disso, o espaço contou com a presença de professores e acadêmicos do curso de Educação Física e o projeto de extensão chamado Longevidade Saudável. O projeto atende pessoas com idade acima de 50 anos com treinamento de força e potência. O objetivo é minimizar os danos causados pelo envelhecimento no desempenho funcional e na capacidade da realização de tarefas diárias. Quem também atraiu a atenção do público da SBPC, foram os animais do projeto de extensão focinhos terapeutas, também do curso de Educação Física.