TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

Estudantes aprovados no Programa Ibero-Americana vão para universidades de Portugal e Espanha

Reunião marcou a assinatura dos Termos de Homologação com a presença dos Alunos selecionados e dos familiares na Reitoria do CESMAC

16/10/2019 às 13h23

O Centro Universitário CESMAC, por meio do Programa de Bolsas Ibero-Americanas, tem possibilitado experiências para os alunos de graduação no contexto da educação globalizada, permitindo, por meio da formalização de convênios com Instituições de Ensino Superior fora do Brasil, oportunidades de parcerias no âmbito do ensino e da pesquisa.
O Programa acontece na IES desde 2013 e é lançado anualmente pelo Santander Universidades. São definidas, no primeiro trimestre de cada ano, as instituições que irão participar e o número de bolsas que serão disponibilizadas aos discentes, por meio de convênio entre o CESMAC e o Banco Santander. O grupo de alunos que participou do encontro na reitoria passou por todas as etapas e critérios, sendo selecionado no último edital para integrar o intercâmbio.

Os oito estudantes selecionados, que irão passar seis meses em uma das universidades do Porto, em Portugal e Salamanca, na Espanha, ambas conveniadas com o CESMAC, são: Adriana Martins Cerqueira – Pedagogia; Andressa Maria Melo de Araújo – Direito; Bárbara Shauanda Nunes Barbosa – Biomedicina; Flaviana Nogueira de Lima - Arquitetura e Urbanismo; Isabela Braga Peixoto – Nutrição; Isabele Monise Ramalho Brandão – Fisioterapia; Maria Agda Correia Lemos – Farmácia e Matheus Monteiro Palmeira - Engenharia Elétrica.

O momento também contou com a participação das alunas Raquel Cabús, do curso de Nutrição, e Rafaela Martins, do 7º período de Medicina. Ambas, já participaram do Programa de Bolsas Ibero-Americanas. Segundo Raquel Cabús, “minha experiência na Europa foi incrível, estudei na Universidade do Porto, mais precisamente na Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto (FCNAUP) e na área da Nutrição. O ensino do Cesmac está anos à frente em todos os aspectos, quando percebi isso, me senti orgulhosa em pensar que eu fazia parte de uma instituição nesse nível. São inúmeras conquistas e crescimento em todos os sentidos”, afirmou.

De acordo com Rafaela Martins, “foi uma jornada difícil, mas com muita determinação consegui a experiência de estudar Medicina na Universidade do Porto, em Portugal. Essa experiência mudou a minha vida. Parte de mim ficou lá, e parte de lá eu trouxe comigo. Voltei uma Rafa diferente. Academicamente, só a oportunidade de ter vivido a Medicina em outro país já é muito enriquecedora, pois aconteceu dentro do Hospital São João e no início passei por muitos momentos difíceis, mas também conheci professores maravilhosos, vivi de perto a rotina de um médico em um hospital com uma estrutura incrível, assisti cirurgias, fiz provas, viajei para vários países, comi comidas diferentes, acompanhei as tradições portuguesas, desenvolvi meu inglês e ganhei amigos que vou levar para a vida toda”, detalhou.

Para os alunos selecionados no programa o sentimento é de gratidão. Adriana Martins Cerqueira, que faz o 6º período de Pedagogia, “eu escolhi o CESMAC para fazer meu curso e estou muito satisfeita, pois já sabia desse programa e decidi que iria fazer parte. Tenho certeza que a experiência será muito importante do ponto de vista profissional, mas também pessoal, pois vamos sair da zona de conforto e o que nos desafia é motivador. O intercâmbio é uma troca e quero muito levar, mas também trazer essa bagagem fundamental para a formação”.
Já Bárbara Nunes, graduanda de Biomedicina, “a aprovação é uma conquista muito significante na minha vida, sempre quis fazer intercâmbio e um dos motivos que me levaram a escolher o CESMAC foi a oportunidade de mobilidade acadêmica. Fico muito feliz e realizada de ter sido aprovada e espero conseguir retribuir a Instituição todas as oportunidades oferecidas, acredito que será uma grande experiência de desenvolvimento pessoal, assim como toda minha jornada acadêmica tem sido”.
Isabele Brandão, do curso de Fisioterapia, afirmou: “Ter ficado entre os oito alunos selecionados para a internacionalização foi uma surpresa que gerou em mim profunda emoção e gratidão. Sou imensamente grata a Deus por essa vitória, a minha família em especial aos meus amados pais que se realizam a cada conquista minha. Sem fala ao CESMAC por oferecer o melhor aos seus alunos e a coordenação do meu curso juntamente com todo o corpo docente que sonharam junto comigo. Irei para a Espanha representando a minha família Fisioterapia CESMAC com muita garra e orgulho e dando o meu melhor”, declarou.
Para Maria Agda Correia Lemos, primeira aluna do curso de Farmácia a conseguir a seleção para o programa, “ter conseguido ser selecionada é um verdadeiro sonho, ainda mais representar a graduação de Farmácia, que participa pela primeira vez desse processo. O ganho pessoal e acadêmico é extraordinário, só tenho a agradecer primeiramente a Deus e aos meus familiares”.
Satisfação também para Matheus Monteiro Palmeira, que faz Engenharia Elétrica, e diz: “estou muito feliz de poder participar desse programa de mobilidade. É uma experiência acadêmica e pessoal única. Agradeço aos profissionais do CESMAC, que são diretamente responsáveis pela oferta e pelo incentivo de participar dessas atividades acadêmicas”.

Para os pais e familiares o sentimento também é de alegria, mas principalmente de orgulho pela conquista dos filhos e por estudarem em uma Instituição valorosa. O pai da aluna Adriana Martins Cerqueira, de Pedagogia, José Antônio Cavalcante Cerqueira, falou sobre o processo. “Gostaria de parabenizar a vocês pela conquista alcançada pela qual tanto se esforçaram, acrescentando que também foi um desafio, que ainda continuará durante todo o período de intercâmbio. A experiência vai enriquecer não apenas a vida acadêmica, mas também os aspectos profissionais e sociais. Parabenizo ainda o CESMAC e o Banco Santander pela iniciativa em proporcionar uma oportunidade tão importante. A Instituição já é reconhecida pela qualidade e esforço do corpo docente, além de ter como reitores os expoentes na consolidação do CESMAC”, concluiu.
O processo de intercâmbio no CESMAC acontece por meio Núcleo de Internacionalização – NUI, que é coordenado pela professora Morgana Medeiros. Outras informações sobre o programa e sobre cursos de outros idiomas na Instituição pelo telefone: 3215- 5024.