TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

CESMAC realiza provas de seleção para Mestrado em Direito com todas as medidas de segurança por conta da pandemia

Máscaras, álcool em gel, luvas, capote, protetor facial - Face Shield, distanciamento, entre outras medidas foram adotadas para garantir toda a segurança do Processo Seletivo para os candidatos, professores e funcionários

23/10/2020 às 11h40

As provas de seleção para o Mestrado em Direito, ofertado pelo Centro Universitário CESMAC, foram realizadas no último final de semana. Os candidatos foram recebidos no Campus I – Prof. Eduardo Almeida, que fica localizado à Rua: Cônego Machado, no bairro do Farol.
A Instituição continua tomando todo o cuidado em relação à segurança e garantia da saúde de todos, por conta da pandemia. Todo o processo teve como base o Plano de Contingência para a COVID-19, elaborado juntamente com o setor de Biossegurança da IES, desde o início da adoção de medidas de distanciamento social, por conta da emergência sanitária.

Máscaras, álcool em gel, luvas, capote, protetor facial - Face Shield, distanciamento, entre outras medidas foram adotadas para garantir toda a segurança do Processo Seletivo para os candidatos, professores e funcionários. O vice-reitor do CESMAC, Prof. Dr. Douglas Apratto Tenório, esteve no local das provas e conferiu de perto todo o protocolo, além de recepcionar os participantes.

A coordenação é do Prof. Dr. Fernando Sérgio Tenório de Amorim - Doutor em Direito pela UFPE e Pós-Doutor em Direito pela Universidade de Montréal, Canadá; com a vice-coordenação do Prof. Dr. Lean Antônio Ferreira de Araújo - Doutor em Direito pela PUC do Rio Grande do Sul. 
A área de concentração do Mestrado é “Direito, Contemporaneidade e Transformação Social”. O curso tem como objetivo fornecer ao profissional do Direito os instrumentos necessários para uma reflexão crítica sobre as transformações sociais induzidas pelas novas tecnologias e de como as mudanças impactam as relações jurídicas na sociedade local e regional.

O curso, validado pelo Ministério da Educação – MEC e pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES, tem o objetivo principal de qualificar os profissionais da área com base no estudo interdisciplinar das relações entre a proteção dos bens jurídicos, as políticas públicas, as novas tecnologias e o desenvolvimento social, questões ainda mais importantes na atualidade. A duração do Mestrado é de 24 meses, no horário noturno. O início das aulas está previsto para 11 de janeiro de 2021.