TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

Abertura da SNCT 2020 e IV CEMEIA no CESMAC contou com palestra da Coordenadora de Ciência Ambientais da CAPES

Profa. Dra. Jarcilene Almeida falou sobre “Educação Ambiental no Contexto dos Programas de Pós-Graduação no Brasil”

20/10/2020 às 12h06

Com o grande tema sobre “Inteligência Artificial: a nova fronteira da ciência brasileira”, a 17º Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2020 – abrangência estadual, foi aberta oficialmente na noite de ontem (19). A programação também contou com a abertura do IV Congresso de Estudos sobre o Meio Ambiente – CEMEIA, uma realização do Programa de Pós-Graduação Análise de Sistemas Ambientais – PPGASA.
A quarta edição do evento debate “Mudanças Climáticas e as Cidades Inteligentes”, com cinco eixos temáticos envolvendo o debate sobre mudanças climáticas e questões como: centros urbanos - aquecimento global; comunidades vulneráveis; interferências nos ecossistemas e cidades inteligentes.
Também integram a programação da SNTC 2020, o II Workshop de Biotecnologia e Sustentabilidade, que traz o tema: “Desenvolvimento Biotecnológico e Inteligência Artificial”, uma iniciativa do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biotecnologia em Saúde Humana e Animal - PPG-Biotec/CESMAC.
Tem ainda o Ciclo de Palestras do Mestrado Profissional Pesquisa em Saúde MPPS/CESMAC, com discussões sobre assuntos como: indústria farmacêutica 4.0; cuidado em saúde e novas tecnologias; reabilitação oral e odontologia digital; algoritmos no diagnóstico do câncer de boca e patologia oral; tecnologia – da ideia à venda do produto e ainda as experiências do MPPS na melhora da produção do cuidado em saúde com aplicativos móveis.
A semana acontece no formato remoto, de 19 a 23 de outubro. A organização também pretende realizar o evento no formato presencial em abril de 2021, mas as ações devem acontecer a partir das autorizações estaduais e municipais com relação a pandemia e distanciamento social. A SNCT/AL 2020 desenvolve atividades nas modalidades Exposição de CT&I, Seminário ou Ciclo de Palestras, Mostra de Vídeos e Portas Abertas.

A cerimônia de abertura contou com a fala do Prof. Dr. Douglas Apratto Tenório – vice-reitor; Prof. Dr. Giulliano Anderlini - Coordenador geral de Pesquisa e Pós-Graduação; Profa. Dra. Aldenir Feitosa - Coordenadora do Stricto Sensu e Prof. Dr. Jessé Marques Pavão - Coordenador do PPGASA. O maestro Luiz Martins abrilhantou o momento cantando, ao som do piano, as músicas: Saudade de Maceió - Aldemar Paiva e Minha Sereia - Carlos Moura.
A palestra magna de abertura foi sobre “Educação Ambiental no Contexto dos Programas de Pós-Graduação no Brasil”, proferida pela Profa. Dra. Jarcilene Almeida. A conferencista é Coordenadora de Área de Ciências Ambientais da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES. A convidada tem mestrado em Botânica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS; doutorado em Biologia e Ecologia Vegetal pela Université de Sherbrooke/Canadá; com pós-doc vinculado a Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, atualmente é professora titular do departamento de botânica da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE.

 
Instituições Parceiras
A programação conta com a participação de diversas instituições parceiras. O IFAL Murici, já realizou rodas de conversa sobre “Inteligência Artificial e Questões Alimentares”. Já o IFAL - campus Coruripe, promove durante todo o mês de outubro as sextas ambientais, com webinário via Google Meet. Na sexta (23) o tema será: "inteligência artificial aplicada ao enfrentamento da covid-19".
Tem ainda a Universidade Estadual de Alagoas – UNEAL/Arapiraca, em Maceió a Universidade Federal de Alagoas - UFAL e a Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas - UNCISAL), além do CESMAC (Maceió e Palmeira dos Índios). As instituições de ensino técnico estão localizadas nos municípios de Maceió, Coruripe, Murici e Satuba (IFAL). A programação também inclui 13 escolas públicas municipais e estaduais nos municípios: Arapiraca, Belém, Feira Grande, Maceió, Major Isidoro, Pilar, São Miguel dos Campos, Tanque D’arca e Taquarana.