TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

II Encontros MPPS recebe aula magna do vice-reitor e palestra com Profa. Dra. do Instituto do Câncer de São Paulo na abertura

Solenidade chamou a atenção para história e trajetória de Alagoas envolvendo a saúde, além da necessidade de prevenção, diagnóstico e tratamento

26/10/2022 às 15h48

O II Encontro MPP, evento realizado pelo Mestrado Profissional Pesquisa em Saúde, do Cesmac, promoveu três dias de programação intensa com destaque para o tema central que tratou sobre “Clínica, Pesquisa e Tecnologia em Oncologia”.  O encontro reuniu nomes locais e nacionais, que são referência na área, com o objetivo do evento de estimular a capacidade reflexiva de pesquisadores, graduandos, pós-graduandos e profissionais de saúde, com intercâmbio de experiências da clínica, pesquisa e tecnologia na área da oncologia.

O evento aconteceu em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL) e a Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (UNCISAL). A abertura contou com Aula Magna do vice-reitor e pró-reitor Acadêmico do Cesmac, Prof. Dr. Douglas Apratto Tenório, que falou sobre “A Formação histórica de Alagoas: território, memória e saúde”. É um dos maiores difusores do conhecimento histórico de Alagoas. Com uma obra vasta e profunda, amplamente reconhecida no meio intelectual e acadêmico, o historiador é responsável pela democratização do acesso às informações sobre o passado alagoano, publicando boa parte das pesquisas em obras direcionadas ao público não iniciado, numa linguagem simples e descomplicada. Formado em História pela Universidade Federal de Pernambuco, é autor de "A tragédia do populismo: o impeachment de Muniz Falcão" e "Capitalismo e Ferrovias do Brasil", entre outros livros sobre os fatos históricos do estado.

Em seguida, aconteceu a Palestra de Abertura com a Profa. Dra. Thaís Bianca Brandão, que é Graduada na Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (USP), Mestre em Prótese Buco-Maxilo-Facial pela Faculdade de Odontologia da USP e Doutora em Estomatopatologia pela Universidade Estadual de Campinas. A convidada também é Coordenadora do Serviço de Odontologia Oncológica do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo e Professora Colaboradora da Disciplina de Oncologia Clínica da Faculdade de Medicina da USP. Tem experiência na área de Odontologia, com ênfase em Oncologia, atuando principalmente nos seguintes temas: neoplasias na região de cabeça e pescoço, odontologia oncológica e reabilitação buco-maxilo-facial.

A mesa de abertura da solenidade contou com a participação do Prof. Dr. Giulliano Anderlini – Coordenador Geral de Pesquisa e Pós-Graduação; Prof. Dra. Sonia Ferreira – Coordenadora do MPPS/Cesmac; Prof. Dra. Kristiana Mousinho – Coordenação do evento; Profa. Roberta Penteado – Coordenadora do curso de Odontologia; e ainda a Conselheira Secretária do Conselho Regional de Odontologia (CRO/AL), Dra. Márcia Telma, que representou o presidente da entidade, Dr. Carlos Alberto de Macedo. O momento reforçou o processo de inclusão com a participação da Intérprete de Libras, Givanilza Cristóvão, integrante do Núcleo de Acessibilidade do Cesmac, coordenado pela Profa. Janaína Diniz. A execução do hino do Cesmac teve a participação do Saxofonista Wellington Tenório.

A programação também contou com uma Exposição de Banner, com os casos de câncer de boca. Teve ainda apresentação dos trabalhos acadêmicos desenvolvidos por alunos das graduações e do Mestrado, dando retorno com os relatórios finais do Programa Semente de Iniciação Científica (PSIC/Cesmac). E ainda a I Mostra de Câncer de Bucal do Pam Salgadinho e da Clínica de Propedêutica do Cesmac. Tudo com a participação dos alunos da graduação, do Mestrado e público externo.

“Foi tudo muito lindo e deu muito certo. A mostra de câncer foi o diferencial: alunos de graduação junto com alunos do Mestrado e com os professores orientadores apresentaram 35 casos de câncer de boca e foi muito bacana. Chamamos para avaliar os gestores do PAM Salgadinho, da coordenação de Saúde Bucal de Maceió e de Pilar; coordenação do curso de Odontologia e outros cursos de graduação do Cesmac. A mostra teve como objetivo despertar nos alunos de graduação não apenas os desafios do diagnóstico do câncer de boca, mas principalmente a dificuldade da referência e contrareferência, e as consequências do diagnóstico tardio. Além de dialogar com os gestores convidados todas estas questões. Foi um sucesso”, enfatiza a Profa. Dra. Sonia Ferreira, coordenado do MPPS.