TEXTO

TEXTO

+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

  • Google Play
  • AppStore

Estudo destaca a fauna silvestre atropelada na Rodovia AL 215

Trabalho com orientação dos docentes Isaac Albuquerque e Andreey Teles.

03/10/2016 às 12h18

Os docentes do curso de Medicina Veterinária do Cesmac Isaac Albuquerque e Andreey Teles, juntamente com os discentes Mailan Maia e Leonardo Marinho, desenvolveram um projeto de pesquisa que objetiva fazer o levantamento de fauna atropelada.
O estudo é Intitulado “Caracterização da Fauna Silvestre Atropelada na Rodovia AL 215 – Marechal Deodoro – Alagoas”. O projeto é o primeiro a ser desenvolvido no Estado de Alagoas e servirá de piloto para outros que também serão desenvolvidos em trechos de rodovias que cortam o Estado.
Na ocasião, o projeto que está programado para ter duração de um ano e já foi submetido à análise do Sistema de Autorização e Informação em Biodiversidade (SISBIO), tendo sido aprovado pelo referido órgão. Para a execução dentro do que prevê a legislação, o estudo está no aguardo da aprovação por parte do Comitê de Ética no Uso de Animais (CEUA).
De acordo com o docente Isaac Albuquerque, “a falta de cuidado desse ambiente nas estradas pode agir como barreira ao movimento de animais, contribuindo para uma redução do fluxo gênico entre populações de determinadas espécies de animais silvestres”, explicou.
Segundo o professor Andreey Teles, “as estradas possuem uma variedade de efeitos ecológicos, incluindo a destruição do habitat no entorno da rodovia, poluição proveniente da pavimentação e dos veículos que trafegam, erosão no entorno, sedimentação dos corpos hídricos, alteração química dos solos, mudança no comportamento de algumas espécies e o atropelamento de fauna. Por isso, esse monitoramento é de suma importância, concluiu.