TEXTO

TEXTO

+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

  • Google Play
  • AppStore

Artigo de estudante do CESMAC é publicado em livro científico sobre Educação

Discente Catarina Barros cursa o 4º período de Pedagogia

30/07/2019 às 15h47

Com a temática voltada para o ensino da língua inglesa na infância, o artigo acadêmico da estudante Catarina Barros, do 4º período do curso de Pedagogia do CESMAC, destaca a importância da reflexão do educador diante de métodos, teorias e conceitos direcionados para aprendizagem do segundo idioma na Educação Infantil.
O trabalho foi publicado no volume 13 do livro Educação no Século XXI da editora Poisson juntamente com mais 22 artigos que apresentam uma série de estudos sobre educação, desafios e experiências na forma de ensino.
O artigo destaca informações a respeito da teoria construtivista e zona de desenvolvimento proximal do pensador russo Lev Vygotsky, que fala sobre o discernimento diante das relações e interações do sujeito com o meio. Com tais conceitos, o professor terá a oportunidade de desafiar o aluno de maneira apropriada, guiando-o para o acontecimento favorável da aprendizagem.
Outro importante marco são os quatro pilares da Educação, desenvolvidos pela UNESCO, sendo eles: Aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a viver juntos e aprender a ser. Esses fundamentos permitem uma análise diante da responsabilidade na formação integral do ser, sendo essas bases interligadas e por isso precisam ser trabalhadas em conjunto.
Um outro ponto importante é a relação de afetividade entre professor-aluno, o que torna indispensável e fortemente significativa para uma aprendizagem segura, sendo considerada um alicerce para conservar um bom relacionamento em sala de aula. O questionamento sobre qual metodologia se encaixa melhor quando falamos do ensino de uma língua estrangeira também é destacado quando se tenta atrelar a teoria mais adequada a ser utilizada em sala de aula.
Para a estudante Catarina Barros, “o ensino vai muito além do que só a transmissão da língua, pois como vemos hoje em dia muitas escolas bilíngues e na área de educação infantil, esse ramo vem crescendo cada vez mais, enxerguei a necessidade de dar ênfase a alguns tópicos e marcos teóricos, na intenção de auxiliar um professor que esteja ensinando na educação infantil um idioma estrangeiro”, afirmou a discente. Ela também destaca que só após escrever o artigo, percebeu que já colocava esse processo em prática nas salas de aula, “além de aprimorar o ensino, posso colocar em prática com mais propriedade toda teoria que pesquisei”, pontuou Catarina, que também leciona a disciplina de inglês em escolas de línguas de Maceió.
Para a construção do artigo, a estudante contou com a orientação da professora do CESMAC Elisângela Silva de Jesus, que afirma “o trabalho da Catarina é muito rico para educação de forma geral. Pedagogicamente, nós ajudamos para o que o artigo estivesse mais voltado e condizente com a identidade do ensino da língua inglesa na educação infantil. Estamos muito felizes com o resultado e certos que isso será um diferencial na carreira dela”, afirmou a docente.
Para conferir o artigo na íntegra, acesse o site da editora Poisson acessando o link https://bit.ly/.